Covid-19: Vacina chinesa da Sinovac é eficaz contra a variante brasileira, indica estudo

Dados preliminares de um estudo no Brasil indicam que a vacina contra a covid-19 desenvolvida pela empresa chinesa Sinovac Biotech é eficaz contra a variante P1 do novo coronavírus descoberta pela primeira vez no Brasil, avança a Reuters.

O estudo testou o sangue de pessoas vacinadas contra a variante brasileira do vírus. A Coronavac, como é conhecida a vacina desenvolvida pela Sinovac, é a principal vacina atualmente utilizada para inocular pessoas no Brasil.

A vacina foi elaborada com o método tradicional de vírus desativados, e não com a nova biotecnologia utilizada por empresas como a Pfizer e Moderna, que alcançaram eficácia superior a 90%.

Os resultados da CoronaVac em ensaios clínicos no estrangeiro foram díspares, atingindo os 91% de eficácia na Turquia, mas apenas 50,6% num estudo de maiores dimensões no Brasil.

O Brasil é o segundo país com mais mortes associadas à covid-19, com 265 mil, e o terceiro com mais infetados, com 10,6 milhões de casos, embora especialistas em saúde estimam que esse último número possa ser até duas ou três vezes maior.

Desde novembro, o país enfrenta uma “segunda onda” de infeções, mais virulenta e letal que a primeira, que obrigou os governos regionais e municipais a endurecer as medidas de distanciamento físico.

Ler Mais

Artigos relacionados
Comentários
Loading...