Covid-19: Portugal deverá ter mais de 9 mil casos diários na primeira semana de dezembro, diz INSA

O Instituto Nacional Dr. Ricardo Jorge (INSA) estima que existam cerca de nove mil casos por dia em Portugal já na primeira semana de Dezembro, segundo o relatório de Nowcasting/Forecast elaborado pelo organismo e citado pela ‘Renascença’.

O documento assenta na situação pandémica nacional  e prevê que a 4 de Dezembro, Portugal registe cerca de 9.774 infeções diárias, batendo assim um novo recorde. A confirma-se este será o valor mais elevado já atingido no país e contribuirá para que o total chegue aos 397.853 casos, ou seja mais 129 mil em menos de duas semanas.

Segundo a mesma publicação o INSA faz ainda referência a «uma estimativa da variação entre o número real de infeções e o número de casos notificados que pode superar os 29 mil infetados».

No dia 1 de Dezembro o número de pacientes em unidades de cuidados intensivos (UCI) deve rondar os 681, um aumento 181 face aos valores atuais (500), «tendo em consideração a tendência observada na prevalência de doentes Covid-19 hospitalizados em enfermaria e UCI», pode ler-se no relatório a que a ‘Renascença teve acesso.

Recorde-se que a ministra da saúde, Marta Temido, disse em entrevista à estação de rádio, que estariam disponíveis 589 camas em UCI para doentes Covid-19, o que significa que o valor previsto pelo INSA é superior à capacidade do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

«Esse é um número que varia diariamente. A capacidade que temos para acolher doentes Covid-19 pode ir até às cerca de mil camas, com prejuízo de outra atividade assistencial e é isso que nos preocupa», afirmou a responsável.

É possível ainda observar na análise do INSA que Portugal conta com uma «taxa de notificação elevada e com tendência crescente», para além disso, «a estimativa do tempo de duplicação do número de casos de SARS-CoV-2, com base na tendência dos últimos 15 dias de análise, foi de 30,3 dias», acrescenta.

Portugal contabiliza hoje mais 71 mortos relacionados com a covid-19 e 5.290 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da pandemia, Portugal já registou 4.127 mortes e 274.011 casos de infeção pelo novo coronavírus, estando hoje ativos 80.528 casos, mais 96 do que na terça-feira.

Relativamente aos internamentos hospitalares, o boletim epidemiológico da DGS revela que estão internadas 3.251 pessoas (menos 24 do que na terça-feira), das quais 517 em cuidados intensivos (mais 11 nas últimas 24 horas).

Ler Mais

Comentários
Loading...