pub

Mais três concelhos da região de Lisboa vão ter brigadas anticovid-19

Mais três concelhos da região de Lisboa e Vale do Tejo vão poder contar com equipas multidisciplinares para reforçar a resposta à Covid-19, de acordo com António Carlos Silva, o novo delegado regional de saúde da zona, que agora coordena o gabinete de crise, citado pelo ‘Público’.

O responsável garantiu ao mesmo jornal que os concelhos de Palmela, Sesimbra e Oeiras, vão poder agora contar com mais um apoio extra, à semelhança do que acontece já em dez outros municípios. Para além disso também as equipas responsáveis pela realização de inquéritos epidemiológicos vão ser reforçadas com mais pessoal.

Aos concelhos de Amadora, Lisboa, Loures, Odivelas, Sintra, Almada, Seixal, Barreiro, Moita e Setúbal, que totalizam cerca de 12.837 pessoas nas equipas em questão, vão agora juntar-se os três já referidos. «Já temos equipas multidisciplinares preparadas para entrar rapidamente em ação em Palmela, Sesimbra e Oeiras», revelou António Carlos Silva ao ‘Público’.

Para o delegado regional o papel desempenhado por estas equipas é de extrema relevância, uma vez que permite que a população tenha uma resposta mais completa e simultaneamente seja garantido o cumprimento do isolamento às pessoas de alto risco.

A área da Grande Lisboa tem sido fortemente afetada pela crise de saúde pública da Covid-19, com apenas dois do top 10 de concelhos com mais casos a não pertencer à região, são eles Guimarães e Vila Nova de Gaia. Os municípios com maior aumento de casos na última semana são Lisboa (448), Sintra (352), Amadora (173) e Cascais (156).

Para o responsável a maior preocupação «é Sintra, que não temos conseguido baixar, Oeiras e Lisboa Ocidental. Vai haver um reforço das equipas que estão a fazer inquéritos epidemiológicos nesses dois concelhos e vamos aumentar as equipas multidisciplinares, que em algumas zonas, fruto da diminuição de casos, tinham sido reduzidas», explica à mesma publicação.

Portugal regista atualmente 70.465 casos confirmados de infeção pela Covid-19, bem como 1.928 vítimas mortais. A nível global a pandemia já infetou mais de 31,8 milhões de pessoas em 196 países e territórios, causando também mais de 976 mil mortes.

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...