Covid-19. «Isto ainda não acabou», avisa Marcelo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, lembrou que a segunda fase de desconfinamento em Portugal não é o fim da pandemia do novo coronavírus. «Isto ainda não acabou», avisou.

Marcelo, que falava durante uma visita à fábrica empresa Flex 2000, em Ovar, que retomou actividade nesta sexta-feira, começou por apontar que Portugal «nunca parou a indústria», apenas «alguma».

O chefe de Estado sublinhou que «Ovar deu a volta por cima e Portugal está a dar a volta por cima». «Nós vamos dar a volta por cima», reafirmou, apontando para uma «razão muito simples»: «Somos portugueses e especiais». Quanto aos responsáveis políticos, são «uma amostra do resto portugueses». «Se os portugueses forem espectaculares, os políticos têm de acompanhá-los, caso contrário estão a mais e não estão a cumprir a sua função», disse.

«Espectaculares são os portugueses. Espectaculares no confinamento, na saída que estão a fazer e naquilo que estão a produzir», acrescentou, insistindo na ideia de que iremos «vencer», mas «juntos». Marcelo defendeu que temos de continuar a ter a noção de que «estamos todos no mesmo barco» e «num momento crucial para a nossa vida».

«Se tudo correr bem, nem os mais novos nem os mais velhos voltarão a viver um momento destes nos próximos anos. Em qualquer caso, estamos preparados para enfrentá-lo», rematou.

Portugal regista já 1.289 óbitos associados à Covid-19 em 30.200 casos confirmados de infecção, segundo o último boletim diário da Direção-Geral da Saúde.

O país entrou no dia 3 de Maio em situação de calamidade devido à pandemia de Covid-19, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência desde 19 de Março. Esta nova fase prevê o confinamento obrigatório para pessoas doentes e em vigilância activa, o dever geral de recolhimento domiciliário e o uso obrigatório de máscaras ou viseiras em transportes públicos, serviços de atendimento ao público, escolas e estabelecimentos comerciais.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias “France-Presse”, a pandemia de Covid-19 já provocou quase 330 mil mortos e infectou mais de 5,1 milhões de pessoas em 196 países e territórios. Mais de 1,9 milhões de doentes foram considerados curados pelas autoridades de saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

*Notícia actualizada às 17:58

Ler Mais
pub

Artigos relacionados
Comentários
Loading...