Covid-19: Estados Unidos registam número recorde de mortes desde maio

Os Estados Unidos atingiram, esta quinta-feira, o maior número de mortes por covid-19 desde 6 de maio, fase inicial da pandemia. Nas últimas 24 horas registaram-se 2439 óbitos e 196.748 infetados, segundo a contagem independente da Universidade Johns Hopkins.

Os Estados Unidos são o país a nível mundial com o maior número de mortes e também de infeções. Desde o início da pandemia, contabilizam-se 262.080 óbitos e 12.759.949 casos do novo coronavírus.

Os hospitais americanos também estão quase limite, já que o nível de internamentos por covid-19 continua a aumentar. Só esta quarta-feira registaram-se mais de 185 mil infeções – um aumento que supera os valores de maio.

“A menos que haja uma mudança radical nas atitudes e uma maior adesão às medidas de controlo de saúde pública, é provável que as coisas piorem”, disse Sten Vermund, reitor da Escola de Saúde Pública de Yale, citado pelo The Washington Post.

Embora Nova Iorque já não seja o estado com o maior número de infeções, continua a a registar o maior número de mortos: 34.387.

O Instituto de Métricas e Avaliações de Saúde da Universidade de Washington estimou que, até ao final do ano, os Estados Unidos vão atingir as 320 mil mortes e as 440 mil até 1 de março.

Em todo o mundo, a pandemia provocou mais de 1,4 milhões de mortes e mais de 60 milhões de casos, segundo um balanço feito pela Johns Hopkins.

*com Lusa

Ler Mais

Comentários
Loading...