Com Boris Johnson fora de acção, quem fica aos comandos do Reino Unido?

Assumindo as suas funções de primeiro secretário de Estado e de secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros do Reino Unido, Dominic Raab deverá substituir Boris Johnson, caso o primeiro-ministro não possa desempenhar as suas funções devido ao novo coronavírus, com o qual está infectado, de acordo com o ‘The Guardian’.

Apesar de outros ministros, incluindo o secretário da saúde Matt Hancock (que testou positivo para a Covid-19) e o chanceler Rishi Sunak, terem mostrado uma maior visibilidade durante o surto de Covid-19, é Raab que, segundo o mesmo jornal, assume as responsabilidades do primeiro-ministro, caso Johnson não seja capaz de as executar.

Até agora, os assessores do primeiro-ministro insistiram que Johnson pudesse continuar a trabalhar por videoconferência, tal como acontece com grande parte do resto da força de trabalho. Contudo, na noite de domingo e devido à hospitalização do primeiro-ministro, fontes de Downing Street disseram que Raab deveria presidir a reunião do governo desta segunda-feira, sobre o novo coronavírus, o que não invalida que Johnson continue a liderar.

Como muitos dos principais decisores do governo, Raab foi uma figura de destaque na campanha de 2016, depois de ter visitado vários estúdios de televisão para entrevistas e ter participado em inúmeros debates. Johnson e a sua equipa confiam plenamente em Raab, confiança que aumentou depois de este ter recusado o acordo de Theresa May sobre o Brexit, considerado um teste final à sua confiança.

Dominic Raab tem-se manifestado através do Twitter, deixando mensagens de apoio dizendo que «devemos permanecer unidos a nível nacional e mundial», tal como escreveu num artigo para o ‘Telegraph’.

Para além desta eventual substituição, soube-se ainda que se os principais assessores de Johnson, Dominic Cummings e Lee Cain, ficarem inabilitados para trabalhar devido ao vírus, as suas funções serão asseguradas pelo director de campanha conservador, Isaac Levido.

Recorde-se que Cummings também apresentou sintomas de coronavírus no último fim de semana. Dominic Raab foi testado, depois de apresentar sintomas ligeiros, como tosse, mas o resultado foi negativo.

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...