Catar tem que vender 3 mil milhões de barris de petróleo para pagar o Mundial de futebol

Desde que o Catar venceu a candidatura em 2010 para organizar o Mundial da FIFA 2022, o país iniciou de imediato a preparação para o evento que teve início no passado dia 20 de novembro.

De acordo com um novo estudo elaborado pelo TradingPedia, o torneio que reúne as 32 melhores seleções do mundo irá permitir à FIFA arrecadar 4,5 mil milhões de dólares (4,33 mil milhões de euros). Este valor contrasta com o investimento de 250 mil milhões de dólares (250 mil milhões de euros) que o Catar teve de fazer para organizar a competição.

Todas estas preparações incluíram, nomeadamente, a construção de sete novos estádios, o restauro de outro, além da construção de estradas, hotéis, metro e outras infraestruturas necessárias para acomodar uma enorme quantidade de visitantes num um país praticamente desértico. Tudo isto sem se saber quanto é que o próprio Catar irá lucrar com o evento.

Assim, segundo este estudo, o país do Médio Oriente precisará de vender aproximadamente 3 mil milhões de barris de petróleo bruto para fazer face às despesas do mundial. Após ser refinado e convertido em vários tipos de combustível, este óleo acabará por ser queimado, e emitirá cerca de 928 milhões de toneladas de dióxido de carbono.

Quem paga pelo Mundial?

Segundo a FIFA, a organização irá cobrir todos os custos operacionais associados à realização do evento, incluindo os 440 milhões de dólares (423,21 milhões de euros) de prémios em dinheiro, que representa um  aumento de 40 milhões de dólares (38 milhões de euros) em relação ao último mundial realizado na Rússia em 2018, e 82 milhões de dólares (78 milhões de euros) a mais do prémio em dinheiro que foi alocado para o Mundial de 2014 no Brasil. Este ano, a equipa vencedora receberá 42 milhões de dólares (40 milhões de euros), e a vice-campeã receberá 30 milhões de dólares (28 milhões de euros). Os prémios para o terceiro e quarto lugares são de 27 milhões de dólares (25 milhões de euros) e 25 milhões de dólares (24 milhões de euros), respetivamente.

Os que terminarem do 5º ao 8º lugar receberão 17 milhões de dólares (16 milhões de euros) cada, e as equipas que terminarem do 9º ao 16º lugar receberão 13 milhões de dólares (12,5 milhões de euros), enquanto os restantes que não passarem da fase de grupos receberão 9 milhões de dólares (8,6 milhões de euros).

A acrescentar a isto, a FIFA também fez pagamentos de 1,5 milhões de dólares (1,4 milhões de euros) para cobrir os custos de preparação do mundial, garantindo que cada país participante volte para casa com pelo menos 10,5 milhões de dólares (10,1 milhões de euros).

Juntamente com os 440 milhões de dólares em prémios em dinheiro, existem dois tipos adicionais de pagamentos que a FIFA oferecerá – um programa de benefícios para a equipa (310 milhões de dólares), bem como proteção e taxas de seguro (220 milhões de dólares). A organização pagará ainda 500 milhões de dólares (480 milhões de euros) em custos administrativos, cerca de 520 milhões de dólares (500 milhões de euros) para custos de produção de cobertura televisiva e cerca de 450 milhões de dólares (432,83 milhões de euros) para ajudar a organizar o torneio tal como outros 180 milhões de dólares (173 milhões de euros) doados à Qatar Football Association.

Para resumir tudo, estima-se que os custos operacionais são estimados em cerca de 1,7 mil milhões de dólares (1,6 mil milhões de euros), para uma receita total da FIFA de 7,2 mil milhões de dólares (estimativa aproximada), ou seja 6,9 mil milhões de euros.

O Catar também terá muitas despesas associadas ao torneio – pelo menos mil milhões de dólares em segurança, além de vários outros custos operacionais, incluindo manutenção do estádio, salários e outros. Claro que o maior gasto aqui é o investimento inicial que o país teve que fazer para fazer os estádios onde os jogos acontecem, sem contar as estradas e outros sistemas de trânsito necessários para o transporte de pessoas de e para os estádios, as centros onde as equipes podem treinar, os hotéis adicionais, restaurantes, etc.

Ler Mais



loading...

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.