‘Capital de Natal’ em Algés alvo de críticas e reclamações pelos visitantes: “Uma fraude”

O evento dedicado ao Natal, que abriu portas em Algés, na passada sexta-feira, e que prometia ser uma «recriação total da Lapónia», com direito a renas e neve «a sério», é, afinal, «publicidade enganosa». Na manhã desta segunda-feira, a Unión de Consumidores de Extremadura, de Espanha, recebeu uma centena de reclamações sobre o evento, avança o “Público”.

As críticas são feitas, sobretudo, por visitantes espanhóis, que acusam os promotores de «fraude», afirmam sentir-se enganados e pedem os reembolsos dos bilhetes. «Gostaria de dizer que este parque é uma fraude, um engano, publicidade enganosa», escreve uma visitante espanhola na página de Facebook da Capital do Natal, sublinhando a «má organização, as filas intermináveis» e a falta de espírito natalício. «Fazem-se 300 quilómetros, paga-se uma entrada familiar de 88 euros, hotel e a comida no parque é caríssima, tendo em conta que não pensaram que poderia haver crianças celíacas. Num curto espaço de tempo, estavam sete espanhóis a escrever reclamações. Lamentável».

Fonte da UCE disse ainda que já remeteu à empresa responsável pelo evento, a Christmas Fun Park, uma reclamação escrita por email, exigindo o reembolso dos bilhetes dos queixosos.

Ao “Público”, um dos promotores do evento afirmou que este foi apenas o primeiro fim-de-semana e que tem tido «uma adesão grande», reconhecendo que há «questões» que precisam de ser introduzidas para melhorar a experiência do visitante. João Godinho confirmou que a empresa tem recebido «algumas situações de reembolso, nomeadamente de espanhóis». 

Entretanto, foi criado um grupo de Facebook de visitantes descontentes – chama-se «Capital do Natal Estafa», uma petição, que reunia, por volta das 14 horas, cerca de 1500 assinaturas, e está a circular na rede social uma fotografia de uma rena com um açaime. A imagem conta com 379 gostos, 59 comentários e 1,1 mil partilhas. 

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Guerra do streaming: consumidores dão oportunidade aos novos players
Automonitor
As ideias (brilhantes) da Skoda