BES: Sporting terá recebido 13,7 milhões de euros do BES Angola

O Sporting terá recebido de uma conta do BES Angola (BESA) no BES, entre julho de 2011 e maio de 2012, transferências no valor total de 13,7 milhões de euros, avança o ‘Correio da Manhã’.

No total, terão sido realizadas 11 transferências bancárias, a primeira das quais no valor de dois milhões de euros, depois  de a SAD leonina ter celebrado uma parceria com a Holdimo, empresa de Álvaro Sobrinho, que na altura presidia o BESA.

De acordo com o jornal, a parceria foi iniciada em junho de 2011, após um pedido de apoio do Sporting. A Holdimo adquiriu, por 16 milhões de euros, uma percentagem dos direitos económicos de 17 jogadores, e o investimento foi reforçado, em 2013, “ficando a Holdimo com percentagem de direitos económicos de 28 jogadores, correspondendo a um valor de 20,6 milhões de euros”, cita o ‘CM’ a informação da empresa que consta do site.

“A revelação destas transferências financeiras consta de uma certidão extraída do processo nº 244/11, no qual Sobrinho é arguido, para o caso Grupo Espírito Santo (GES). O documento, que consta nos autos do GES, indica que, entre 26 de julho de 2011 e 11 de maio de 2012, terão sido realizadas 11 transferências bancárias de uma conta do BESA, no BES, para uma conta da Sporting SAD no BES”, pode ler-se na edição de hoje do jornal.

Mais avança o ‘CM’ que a Sporting SAD não terá sido a única entidade a receber transferências da conta bancária do BESA no BES. Dessa conta terão sido transferidos milhões de euros para várias sociedades offshore de Sobrinho.

O BESA foi declarado falido em outubro de 2014. O Banco Nacional de Angola tomou a decisão, para salvaguardar o sistema financeiro do país. No seu lugar surgiu o Banco Económico.

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
Loading...