Arrendar casa está ainda mais caro. Lisboa lidera com os preços mais altos

Os preços das casas para arrendar em Portugal subiram 2,6% no segundo trimestre de 2022, em comparação com o período homólogo do ano anterior. No período em análise, arrendar casa tinha um custo médio de 11,3 euros por metro quadrado.

De acordo com o índice de preços do idealista, o preço de arrendamento no segundo trimestre subiu em quase todas as capitais de distrito do país, com Leiria a registar o maior crescimento nos preços, com uma subida de 10,9%.

Lisboa continua a liderar a tabela como a cidade onde é mais carro arrendar casa, onde o preço do metro quadrado se encontra nos 14,5 euros, seguida do Porto (11,4 euros/m2) e Funchal (10,4 euros/m2).

Para além de ser a cidade mais cara para arrendar casa, Lisboa lidera também na categoria de distrito, monde o metro quadrado custa 13,6 euros, seguido por Faro (11,6 euros/m2) e ilha da Madeira (10,4 euros/m2).

Já os distritos onde é mais económico arrendar casa são os de Vila Real (4,3 euros/m2), Viseu (5,1 euros/m2), Castelo Branco (5,6 euros/m2) e Santarém (5,9 euros/m2).

No período em análose, os preços das casas para arrendar subiram em todas as regiões do país com exceção da Região Autónoma dos Açores (-6,4%) e o Norte (-1,4%), sendo que a Área Metropolitana de Lisboa, com 13,2 euros/m2, continua a ser a região mais cara, seguida pelo Algarve (11,6 euros/m2), Região Autónoma da Madeira (10,4 euros/m2) e Norte (9,3 euros/m2).

Ler Mais


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.