Ano Novo: Airbnb endurece condições de aluguer para evitar festas ilegais

A Airbnb, empresa de aluguer de casas e apartamentos, está a dificultar as reservas na passagem de ano em Paris, Nova Iorque, Londres e outros destinos habitualmente famosos nesta altura do ano, de modo a limitar a realização de festas ilegais durante a pandemia.

A partir desta quinta-feira, as pessoas que não tiverem críticas positivas no seu perfil da Airbnb não vão poder fazer qualquer reserva no dia 31 de dezembro nos Estados Unidos, França, Reino Unido, Canadá, México, Austrália e Espanha, disse a empresa num comunicado, citado pela agência Reuters.

As pessoas que planeiam passar o último dia do ano em propriedades arrendadas através da Airbnb também terão de se comprometer a não organizar nenhuma festa na véspera de Ano Novo, estando cientes das acusações legais que podem enfrentar se não cumprirem a regra, informou a empresa.

Todas as reservas feitas sob condições anteriores serão mantidas. No entanto, a grande maioria das reservas destinadas a organizar grandes reuniões de fim de ano foram feitas em dezembro, segundo a Airbnb.

Também as reservas de última hora feitas por pessoas que procuram alugar uma propriedade perto da sua própria casa e que não tenham recebido críticas positivas serão igualmente restringidas.

As novas regras temporárias vêm juntar-se às medidas anteriores, implementadas em agosto, segundo as quais a Airbnb proibiu todas as festas e reuniões de mais de 16 pessoas nos seus apartamentos listados em todo o mundo, para limitar a propagação do novo coronavírus.

 

Ler Mais

Comentários
Loading...