Air Liquide aumenta receitas para 5,8 mil milhões no terceiro trimestre

As receitas da Air Liquide ascenderam a 5,8 mil milhões de euros no terceiro trimestre de 2021, um aumento de 17,2%. Perspetivas da empresa apontam para um contínuo crescimento da sua margem operacional e do lucro líquido até ao final do ano.

“O terceiro trimestre confirma o crescimento contínuo das vendas observado no primeiro semestre. Todas as atividades estão a aumentar: gás e serviços em todas as regiões do mundo, engenharia e construção e mercados e tecnologias globais, com um ambiente de mercado mais favorável”, afirma Benoît Potier, presidente e CEO da Air Liquide.

A área de gás e serviços, que representa 96% das vendas da empresa, viu a sua atividade impulsionada pelo dinamismo da indústria eletrónica, pela recuperação do comércio e pela robustez das atividades de saúde.

A empresa revela ainda em comunicado que as oportunidades de investimento a 12 meses estão a aumentar, atingindo agora os 3,3 mil milhões de euros, com mais de 40% relacionados com a transição energética. Nesta área aprovaram neste trimestre investimentos de cerca de 900 milhões de euros.

A Air Liquide conta atualmente com uma carteira de investimentos 3,1 bilhões de euros.



Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.