Afinal, o ar condicionado não transmite Covid-19, reconhece DGS

A Direção-Geral da Saúde (DGS) reconheceu, pela primeira vez, que não há evidência científica de que o novo coronavírus se propague através dos aparelhos de ar condicionado, noticia o “Correio da Manhã” (CM).

«Tendo em conta o actual conhecimento científico sobre as vias de transmissão do SARS-CoV-2, não existe evidência de que os sistemas de ar condicionado estejam implicados na propagação deste vírus, desde que esteja assegurada a sua correta instalação e manutenção periódica», disse ao “CM” fonte da DGS.

A mesma fonte ressalvou, ainda assim, que «este facto não dispensa a importância de garantir a ventilação natural dos espaços fechados». Por isso, a DGS está a preparar uma nova orientação sobre essa matéria. Segundo a entidade liderada por Graça Freitas, o parecer, que ficou fechado a 3 de Junho, deverá ser publicado «brevemente».

O documento resulta da negociação com a Associação Portuguesa das Empresas dos Setores Térmico, Energético, Eletrónico e do Ambiente (APIRAC), detalha o “CM”, acrescentando que, de acordo com a APIRAC, foram registadas quebras de volumes de negócios de 50%, afectando 15 mil postos de trabalho no sector.

pub

Comentários
Loading...