Ações do Credit Suisse caem após demissão do seu presidente

As ações do Credit Suisse (CSGN.CH) estão a cair mais de 2% durante a sessão de hoje, na sequência da demissão do seu presidente, António Horta-Osório. No seu lugar terá assento o COO do banco UBS, Axel P. Lehmann. 

Horta-Osório demitiu-se do cargo de CEO do Credit Suisse no domingo, no meio de múltiplos escândalos pelo seu incumprimento das regras de quarentena da COVID-19. Toda esta situação é bastante problemática para o banco, uma vez que Horta-Osório tinha sido obrigado a melhorar a atual gestão do banco, que tinha estado em ruínas devido ao escândalo da falência do banco envolvendo a Archegos Capital.

Credit Suisse (CSGN.CH), intervalo D1. As ações da empresa não conseguiram ultrapassar a EMA de 200 períodos (linha laranja) e estão agora a cair para perto da EMA 100 (linha roxa). Se os compradores conseguirem retomar o controlo do mercado, as quedas poderão intensificar-se em direção à EMA 50 (linha azul). Fonte: xStation 5

 

Analistas XTB



Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.