A pensar comprar uma Switch? Escassez de chips pode afetar produção da Nintendo

A Sony não é a única empresa do mundo da eletrónica de consumo a alertar para o potencial impacto da escassez de semicondutores. Agora, é a vez de a Nintendo avisar o mercado de que a falta de chips a nível global poderá afetar a produção da Switch, uma das consolas mais populares da empresa japonesa.

As mais recentes previsões da Nintendo apontam para uma queda de 12% nas vendas da Switch no exercício fiscal que termina em março de 2022. De acordo com o Financial Times, a empresa justifica este cenário com problemas relacionados com a oferta de componentes importantes.

A produção “poderá ser afetada por obstáculos à aquisição de peças, incluindo o aumento na procura global por componentes semicondutores”, indica a Nintendo num relatório financeiro.

No total, a Nintendo espera vender 25,5 milhões de consolas Switch no ano fiscal corrente. Isto depois de ter vendido 28,8 milhões de unidades ao longo do último exercício, beneficiando da procura crescente por jogos como “Animal Crossing” ou “Zelda”, particularmente populares nos períodos de confinamento e restrições.

Os próximos resultados, no entanto, deverão ser mais contidos. A Nintendo também espera que as vendas de software associado à Switch desçam 18% para 190 milhões de unidades.



Comentários
Loading...