3ª edição do Madeira Startup Retreat regressa à ilha com 11 startups internacionais

O Madeira Startup Retreat é um programa de aceleração internacional desenvolvido pela Startup Madeira e pelo Turismo de Portugal, em conjunto com a NOVA SBE, que acontece até ao próximo dia 21 de fevereiro.

A iniciativa recebe 11 startups internacionais apresentadas nas áreas do turismo e lazer, compostas por 33 empreendedores de 13 nacionalidades, que durante seis semanas acabam por explorar os seus negócios na Madeira, potenciando tudo o que a ilha tem para oferecer.

O arranque da terceira edição contou com 44 inscrições, batendo o recorde total de 28 países integrados. Depois de uma análise por parte do júri, foram escolhidas 11  startups: Local Cave, do Brasil; Localie, da Holanda; Oveit, da Roménia; Pelagic Dive Travel, da Austrália; Qwixi, da Letónia; Sally Road Trips, do Reino Unido; SnowPass, de Portugal; SpotAR, da Alemanha; Tell The Hotel, da Suíça; Wanda Maps, dos EUA e, por último, YouTravel.me, da Rússia. Foram também indicadas como suplentes as portuguesas RipAtrip e Siliconbali, a romena Simbound Game e a brasileira Youcheck.in.

Luís Araújo, Presidente do Turismo de Portugal menciona a vontade de fazer de Portugal um país de referência para o turismo «a nossa estratégia tem como objetivo a contínua atualização do tecido empresarial, criando as condições ideais para que as startups se desenvolvam e se afirmem como motor do desenvolvimento do turismo e consequentemente da economia nacional.»

Relativamente a Região Autónoma da Madeira em concreto, Luís Araújo  refere que «estendemos esta dinâmica à Região Autónoma da Madeira, onde o turismo tem uma importância estratégica, com o objetivo de que esta região continue a ser um destino turístico competitivo».

O programa está estruturado por temáticas, com o objetivo de propulsionar a aceleração das startups participantes, através da realização de workshops, sessões de mentoria, palestras, um sprint e um demo-day.

Contará ainda com a participação de 15 mentores convidados pela NOVA SBE, de entre os quais Felipe Ávila da Costa da Infraspeak, Gil Belford da Fever & Lisboa Secreta e Marcelino Moreno da Talkdesk.

Para além dos empreendedores poderem trabalhar nos seus serviços, terão a oportunidade única de de explorar a ilha da Madeira, tirando partido de todas as atividades lúdicas e de lazer proporcionadas, sendo acompanhados por cinco madeirenses que os vão guiar pela ilha, estreitando a relação entre as startups e a cultura local.

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...