37% dos portugueses alugam segunda casa para obter rendimentos extra

A esmagadora maioria dos portugueses (95%) com residência secundária têm a sua segunda casa em território nacional, conclui um estudo elaborado pela consultora imobiliária Savills e a plataforma de alojamentos para férias online HomeAway.

De acordo com o estudo «Residências Secundárias – Tendências Mundiais de Propriedade e Arrendamento», 37% alugam as casas para obter uma fonte adicional de rendimentos. Outros 34% referem que o arrendamento é para cobrir os custos de manutenção do imóvel e 14% indicam que é uma ajuda para pagar o valor do empréstimo bancários ou impostos.

Praticamente metade (43%) dos inquiridos financiam a sua segunda propriedade com uma hipoteca, 38% financiam com capitais próprios e 18% recebem como herança. Dos que possuem uma hipoteca, 47% dos proprietários amortizam entre 80% a 100% do pagamento
através do aluguer da residência secundária a viajantes, 17% liquidam 40% a 60% e 14% pagam entre 20% a 40% do valor da hipoteca.

Para um período de cinco anos, 87% dos inquiridos antecipam que vão continuar a alugar a sua casa e 63% não preveem adquirir nova propriedade para aluguer turístico, avança o mesmo tempo.

A Savills World Research inquiriu 7800 proprietários que anunciaram os respetivos alojamentos para férias na HomeAway nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, França, Espanha, Itália, Países Baixos, Portugal, Nova Zelândia e Brasil.

pub

Artigos relacionados
Comentários
Loading...